Anuidade é obrigatória? Como fazer para não pagá-la?

Atenção! A Provu não solicita depósito antecipado ou PIX para a liberação do empréstimo. Isso é crime.

Anuidade é obrigatória? Como fazer para não pagá-la?

Por Provu

2 Minutos

Publicado em 01 set, 2016

Atualizado em 01 set, 2016

2 min de leitura

Link Copiado!

Ter um cartão de crédito é uma facilidade e vantagem, como dissemos no último post. Contudo, é preciso ter disciplina financeira para não perder as rédeas do seu orçamento mensal. Uma das taxas cobradas pelas financeiras, após a emissão do cartão de crédito, é a anuidade. Afinal, a tal da anuidade serve para o que? Nada, pois ela não agrega nenhum valor, apenas nos faz gastar ainda mais.

Negocie a anuidade diretamente com a financeira

Seja direto e ligue na central de atendimento da financeira que emitiu o seu cartão para negociar a anuidade dele. Com o atual cenário econômico, algumas financeiras estão abrindo mal da taxa da anuidade para manter o seu bom relacionamento com os clientes.

Já pensou em conversar com o seu gerente?

Uma conversa franca com o gerente da sua conta pode ser uma negociação mais rápida, já pensou? Ele está lá para ajudá-lo a solucionar os principais problemas relacionados à sua conta e poderá lhe guiar durante esse processo. Vale lembrar também, que o sucesso dessa medida será relacionado ao seu bom relacionamento com o banco e histórico financeiro também. O gerente não te isentou da cobrança? Feche a sua conta na instituição, caso tenha adquirido apenas pelo cartão.

Programa de recompensas

Se o seu cartão de crédito foi emitido por um banco, dependendo da instituição financeira, você terá um programa de recompensas feito por pontos e baseado no seu histórico financeira na instituição. Dessa maneira, dependendo da quantia acumulada, você poderá barganhar a troca desses pontos pela amortização da anuidade.

Consegue sobreviver sem o cartão de crédito?

Não gosta de usar cartão de crédito? Então não tenha um e não pague anuidade! Há outros meios de pagamento em lojas online, como o PayPal, transferência bancária, cartão de débito e até mesmo boleto bancário! Aliás, algumas lojas online podem oferecer descontos para os clientes que fazem o pagamento à vista.

Escrito por: Provu

Sem comentários ...

Fazer um comentário:

Conteúdos relacionados
Educação Financeira
Teste: como está sua saúde financeira?

A equipe da Provu preparou um teste para você saber como anda sua saúde financeira e se você precisa p...

27 abr, 2022
Ler artigo
Educação Financeira
Previdência Social: entenda o que é e como funciona

Você já deve ter ouvido idosos falar sobre previdência social. Mas afinal, do que se trata este termo ...

21 abr, 2022
Ler artigo
Educação Financeira
Renda extra: o que é e como ganhar em 2022?

Renda extra é o assunto do momento, e nada melhor do que começar o ano ganhando mais dinheiro, não é m...

14 abr, 2022
Ler artigo
s

A provu.com.br pertence à PROVU, CNPJ: 20.265.259/0001-71, com sede na Rua Pais Leme, 524 – Pinheiros, São Paulo – SP, Brasil – CEP: 05424-010.

 

A Provu não é uma instituição financeira, mas sim um prestador de serviços correspondente bancário nos termos do artigo 2º, da Resolução CMN nº 3.954, de 24 de fevereiro de 2011 atuando para as instituições financeiras: SOROCRED CRÉDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO S/A – CNPJ: 04.814.563/0001-74 e PROVU SOCIEDADE DE CRÉDITO DIRETO S.A – CNPJ Nº 42.627.615/0001-92.

 

Informações gerais sobre as operações de crédito ofertadas: a taxa de juros para empréstimo pessoal varia de 1,99% a 10,95% ao mês. O CET (Custo Efetivo Total) pode variar de 2,39% a.m. (32,77% a.a.) a 11,17% a.m. (256,33% a.a.), dependendo da análise de crédito do cliente e do prazo de pagamento, que pode ser de 12,18, 24, 30 ou 36 meses.

 

Exemplo: valor: R$ 9.000,00; prazo: 18 meses; taxa de juros: 3,52% a.m.; 51,52% a.a.; CET 58,35% a.a.; parcelas: R$ 702,09; IOF: R$ 242,13; valor total: R$ 12.637,62. Estes valores são exemplificativos e poderão variar de acordo com a política de crédito.