5 dicas para planejar a reforma da sua casa

Atenção! A Provu não solicita depósito antecipado ou PIX para a liberação do empréstimo. Isso é crime.

5 dicas para planejar a reforma da sua casa

Por Provu

1 Minuto

Publicado em 14 out, 2015

Atualizado em 15 jun, 2022

1 min de leitura

Link Copiado!

A necessidade de fazer uma reforma pode vir de um desejo antigo de melhorar a casa ou de uma emergência. De qualquer forma é preciso planejar bem para ter o resultado esperado sem dor de cabeça.

Separamos aqui algumas dicas básicas que podem ajudar nesse planejamento:

Analise o projeto

Verifique suas reais necessidades, evite exageros. Peça para um arquiteto ou engenheiro para assessorá-lo, pode parecer um custo grande, mas isso evita problemas no futuro que podem ser ainda mais caros. Se a reforma for acrescentar ambientes ou grandes mudanças exteriores, verifique na prefeitura da sua cidade a necessidade de autorização.

Peça indicações

Para contratar uma boa mão de obra, a melhor opção é pedir indicações a amigos e familiares, as chances de ter problemas diminuem. Compare preços de pelo menos duas opções. Caso não consiga uma indicação de pessoas próximas, há sites como o Bougue onde é possível solicitar orçamentos e verificar opiniões de outras pessoas que contrataram.

Compare matéria-prima

Na hora de escolher o material que vai utilizar, leve em consideração a qualidade necessária para cada fim e avalie qual possui melhor custo-benefício. Compare os preços em diversas lojas, leve em consideração frete, condições de pagamento e de entrega. Se não tiver lugar para guardar todo o material, programe uma entrega fracionada.

Avalie o melhor momento

Uma reforma pode ser estressante, então evite juntar a reforma com outras situações importantes da sua vida. Considere que você necessitará de tempo para supervisionar o que está sendo feito para não haver surpresas.

Faça as contas

Depois de analisar e pesquisar, verifique quanto o total a obra ficará. Se tudo for bem planejado e você acompanhar de perto, dificilmente será gasto mais do que previsto. Avalie se o valor cabe dentro do seu orçamento, se ficará pesado para você, tente negociar onde é possível e corte detalhes não tão necessários.

Você pode também considerar a empréstimo pessoal na Lendico para pagar a reforma.

SOLICITAR MEU EMPRÉSTIMO

Escrito por: Provu

Sem comentários ...

Fazer um comentário:

Conteúdos relacionados
Educação Financeira
Teste: como está sua saúde financeira?

A equipe da Provu preparou um teste para você saber como anda sua saúde financeira e se você precisa p...

27 abr, 2022
Ler artigo
Educação Financeira
Previdência Social: entenda o que é e como funciona

Você já deve ter ouvido idosos falar sobre previdência social. Mas afinal, do que se trata este termo ...

21 abr, 2022
Ler artigo
Educação Financeira
Renda extra: o que é e como ganhar em 2022?

Renda extra é o assunto do momento, e nada melhor do que começar o ano ganhando mais dinheiro, não é m...

14 abr, 2022
Ler artigo
s

A provu.com.br pertence à PROVU, CNPJ: 20.265.259/0001-71, com sede na Rua Pais Leme, 524 – Pinheiros, São Paulo – SP, Brasil – CEP: 05424-010.

 

A Provu não é uma instituição financeira, mas sim um prestador de serviços correspondente bancário nos termos do artigo 2º, da Resolução CMN nº 3.954, de 24 de fevereiro de 2011 atuando para as instituições financeiras: SOROCRED CRÉDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO S/A – CNPJ: 04.814.563/0001-74 e PROVU SOCIEDADE DE CRÉDITO DIRETO S.A – CNPJ Nº 42.627.615/0001-92.

 

Informações gerais sobre as operações de crédito ofertadas: a taxa de juros para empréstimo pessoal varia de 1,99% a 10,95% ao mês. O CET (Custo Efetivo Total) pode variar de 2,39% a.m. (32,77% a.a.) a 11,17% a.m. (256,33% a.a.), dependendo da análise de crédito do cliente e do prazo de pagamento, que pode ser de 12,18, 24, 30 ou 36 meses.

 

Exemplo: valor: R$ 9.000,00; prazo: 18 meses; taxa de juros: 3,52% a.m.; 51,52% a.a.; CET 58,35% a.a.; parcelas: R$ 702,09; IOF: R$ 242,13; valor total: R$ 12.637,62. Estes valores são exemplificativos e poderão variar de acordo com a política de crédito.