Empréstimo: o que os bancos analisam?

Atenção! A Provu não solicita pagamento antecipado para a liberação do Provu Empréstimo Pessoal.

Empréstimo: o que os bancos analisam?

Publicado em 27 jun, 2016

Atualizado em 28 jun, 2022

1 min de leitura

Link Copiado!

Pensando em tomar um empréstimo? Quando mandamos uma solicitação para aprovação dos bancos ou instituições financeiras, eles checam diversas informações antes de concederem o crédito e seguirem com o seu pedido. Interessado em saber o que eles analisam? A Provu selecionou alguns pontos essenciais e compartilha agora:

CPF negativado?

Uma das primeiras coisas analisadas pelas empresas de empréstimo é o CPF do cliente. Se você está negativado, saiba que poucas financeiras oferecem uma proposta de crédito para a regularização do CPF. Ainda que concedam, os juros extrapolam os mais caros do mercado (os do cartão de crédito -- mais de 445% ao ano)! Saiba mais aqui sobre o empréstimo para negativados.

Histórico de pagamentos

Com o CPF regularizado, a segunda coisa analisada é o histórico de pagamentos. Sem o hábito de pagar empréstimo em dia ou inadimplência com as contas básicas? Esses já são motivos para que a concessão de crédito não seja feita.

Rendimento mensal que seja compatível com o empréstimo

Quando um empréstimo é solicitado, as financeiras comparam a quantia que foi pedida com os seus ganhos mensais. Então é imprescindível que o seu rendimento mensal seja compatível com o crédito pessoal solicitado. Como? Por exemplo, se a sua renda mensal é de R$ 2.500,00, solicitar um valor quatro vezes maior, R$ 10.000,00, não será tão fácil de conseguir quanto R$ 5.000,00. Nessa hora é importante não dar um passo maior que a perna e contrair mais dívidas do que ajuda financeira.

Falta de garantias para o empréstimo

Dependendo da linha de empréstimo, o cliente deve apresentar um tipo de garantia como um imóvel ou veículo próprio quitado. O rendimento mensal, em casos como esse, nem sempre garante a concessão do crédito; a financeira pode solicitar uma garantia extra. Mas fique atento! Saiba o Custo Efetivo Total (CET) antes de fechar o acordo para não ter surpresas depois.

Perfil pessoal

Além do rendimento mensal, sua profissão, vínculo empregatício e estado civil também influenciam na solicitação de empréstimo. Por exemplo, trabalhadores do setor público têm mais estabilidade no emprego e podem ser clientes com perfis melhores do que aqueles que não têm uma renda mensal definida e recebem os ganhos em cima de comissões.

Escrito por: Provu

A Provu surgiu sob o nome de Lendico, mas em 2021 mudou de marca por uma decisão estratégica de reposicionamento e maior alcance dos produtos financeiros. Com essa transformação, trazemos um novo conceito, com a premissa de oferecer mais soluções para os brasileiros mantendo a eficiência, reputação e história da Lendico.

Sem comentários ...

Fazer um comentário:

Conteúdos relacionados
Empréstimo
Cálculo de empréstimo consignado: entenda como funciona

Se você já precisou de um dinheirinho a mais para realizar algo, possivelmente já pensou em tomar um e...

03 mai, 2022
Ler artigo
Empréstimo
Quem pode fazer empréstimo?

O empréstimo é uma boa opção para aqueles que desejam trocar uma dívida cara por outra mais barata, ou...

10 mar, 2022
Ler artigo
Empréstimo
Vale a pena pedir um empréstimo para dívidas do começo do ano?

Todo novo ano traz consigo alguns impostos como IPTU, IPVA e outros débitos, como material escolar. Ma...

06 jan, 2022
Ler artigo

Associações

Prêmios

A provu.com.br pertence à PROVU, CNPJ: 20.265.259/0001-71, com sede na Rua Pais Leme, 524 – Pinheiros, São Paulo – SP, Brasil – CEP: 05424-010.

 

A Provu não é uma instituição financeira, mas sim um prestador de serviços correspondente bancário nos termos do artigo 2º, da Resolução CMN nº 3.954, de 24 de fevereiro de 2011 atuando para as instituições financeiras: SOROCRED CRÉDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO S/A – CNPJ: 04.814.563/0001-74 e PROVU SOCIEDADE DE CRÉDITO DIRETO S.A – CNPJ Nº 42.627.615/0001-92.

 

Informações gerais sobre as operações de crédito ofertadas: a taxa de juros para empréstimo pessoal varia de 1,99% a 10,95% ao mês. O CET (Custo Efetivo Total) pode variar de 2,39% a.m. (32,77% a.a.) a 11,17% a.m. (256,33% a.a.), dependendo da análise de crédito do cliente e do prazo de pagamento, que pode ser de 12,18, 24, 30 ou 36 meses.

 

Exemplo: valor: R$ 9.000,00; prazo: 18 meses; taxa de juros: 3,52% a.m.; 51,52% a.a.; CET 58,35% a.a.; parcelas: R$ 702,09; IOF: R$ 242,13; valor total: R$ 12.637,62. Estes valores são exemplificativos e poderão variar de acordo com a política de crédito.

 

Desde 2015 revolucionando o acesso ao crédito, a Provu é uma financeira com serviços totalmente digitais que vive o Brasil e o sonho dos brasileiros. A empresa tem vocação humana, enxerga as necessidades e entende os desejos de cada pessoa, com o propósito de amparar os brasileiros com soluções para que realizem planos, saiam da dívida cara e tenham poder de compra.