Atenção! A Provu não solicita pagamento antecipado para a liberação do Provu Empréstimo Pessoal.

Por que o meu pedido de empréstimo não é aprovado?

Publicado em 04 jul, 2018

Atualizado em 25 jul, 2022

1 min de leitura

Link Copiado!

Existem diversos motivos de um pedido de empréstimo não ser aprovado pelas instituições financeiras. As razões para que isso aconteça são consideradas estratégicas e sigilosas, mas conhecendo as causas mais comuns é mais fácil descobrir porque seu empréstimo não foi aprovado.

Razões para o pedido de empréstimo não ser aprovado

Abaixo trazemos uma lista de motivos que podem fazer com que você não tenha seu empréstimo aprovado:

Dados incorretos e/ou desatualizados

Muitas pessoas fornecem dados incorretos e/ou desatualizados no momento da solicitação. Para saber se este foi o seu caso, avalie se houve algum erro em relação ao seu RG ou CPF, informações sobre renda, endereço residencial ou até mesmo os dados bancários.

É importante que você forneça suas próprias informações alinhadas e atualizadas, pois as instituições realizam análise do seu pedido e certamente identificarão essa incoerência de dados. Jamais utilize dados de terceiros para solicitar o pedido de empréstimo.

CPF negativado (“nome sujo”)

Ter CPF negativado popularmente é ter nome sujo, o que significa que possui uma dívida que deixou de pagar. Caso você esteja com restrição no momento em que solicita o empréstimo, provavelmente o seu pedido terá mais dificuldades para ser aprovado pelos bancos até que regularize as pendências.

“Mas meu nome está limpo e não consigo empréstimo mesmo assim”. Isso acontece porque o CPF negativado não é o único motivo que pode causar a recusa. Termine de conferir a lista.

Histórico de pagamento

É um dos principais pontos que as instituições financeiras olham para decidir não somente a aprovação do pedido, mas também para a determinação da sua taxa de juros e limite. Quanto melhor o seu histórico de pagamento, maior será a chance do seu pedido ser aprovado e ter a melhor taxa de juros.

Se você tem o costume de deixar contas em atraso ou negociar dívidas, mesmo que não tenha mais nenhum débito em atraso, poderá sofrer as consequências tendo o crédito reprovado.

Capacidade de Pagamento

É importante que você tenha e comprove a sua capacidade de pagamento em relação ao valor do empréstimo solicitado. É ideal que o valor de cada parcela do empréstimo não ultrapasse 15% do seu ganho, para manter sua saúde financeira. Quanto maior a sua capacidade de pagamento, maior será a chance do seu pedido ser aprovado e o valor do empréstimo também ser maior.

Valor do empréstimo

Se suas dívidas ultrapassam 30% da sua renda mensal, há a possibilidade de a instituição não liberar o crédito. Além disso, em casos de empréstimos longos, aumentam as chances de o banco não liberar o crédito, pois o risco de descontrole é maior.

Perfil

Seu vínculo empregatício e estado civil também são fatores que podem influenciar na hora de solicitar um empréstimo. Por isso, trabalhadores do setor público, que têm maior estabilidade no emprego, costumam ter mais facilidade na hora de pedir um crédito a um banco, no caso dos chamados ‘empréstimos consignados’.

Crise econômica

Em momentos em que a economia do país vai mal, bancos podem decidir por conceder um menor número de empréstimos, devido ao cenário pessimista. Isto ocorre pois as instituições buscam diminuir o nível de risco que podem correr.

Se a expectativa de inadimplência fica mais alta por conta de uma estimativa de aumento da taxa de desemprego, menos clientes poderão ter acesso ao crédito.

Score

O termo ‘score’ tem se tornado cada vez mais conhecido entre os brasileiros, principalmente pelo trabalho feito nos últimos anos pelos birôs de crédito, como Serasa, SCPC Boa Vista etc. A palavra faz referência a uma pontuação estatística, dada aos consumidores, que se baseia em dados de mercado para saber quais as chances de ele ficar inadimplente nos próximos meses.

É possível, por exemplo, que um consumidor tenha um score muito alto, mas seu comprometimento de renda também esteja muito alto. Isso pode resultar na negativa do pedido, pois a parcela do empréstimo não caberia em seu orçamento. Vale lembrar que nem todas as instituições financeiras utilizam o mesmo dado de score na hora de avaliar se fará o empréstimo ou não.

Meu pedido foi reprovado, posso tentar novamente?

Se você fez um pedido de empréstimo na Provu e ele foi reprovado, será possível fazer uma nova tentativa depois de 90 dias. Em outras instituições financeiras poderá haver prazos diferentes para isto.

A Provu diminui meu score Serasa/BoaVista SCPC?

Não, a Provu não tem interferência direta na pontuação dada pelos birôs de crédito. Quando um cliente faz um pedido de empréstimo com a gente ele tem seus dados analisados e seu score é consultado, mas quem determina o valor do score é o próprio Serasa, Boa Vista ou outro birô.

O método de pontuação é determinado por estas empresas e um mesmo cliente pode ter um bom score em uma e um score considerado baixo em outra.

SOLICITAR MEU EMPRÉSTIMO

Escrito por: Pri da Provu

Meu nome é PRI, e eu sou a nova assistente virtual da Provu! Aqui no blog da Provu e nas nossas redes sociais eu vou falar dos mais variados assuntos, e através do WhatsApp, Chat do site e telefone da Provu, eu vou: 👉 Ajudar a baixar o boleto das parcelas do Provu Empréstimo e Provu Boleto Parcelado 👉 Dar suporte no refinanciamento do seu contrato do Provu Empréstimo 👉 Esclarecer tudo que você precisa saber sobre o Provu Empréstimo e Provu Boleto Parcelado 👉 Dar suporte em negociações; E muito mais! Quer me conhecer mais? Acesse o Blog da Provu. E se quiser bater um papo comigo, é só acessar nosso WhatsApp, chat do site ou telefone!

Comentários (3)
Usuário
MAISA SANTOS SOUZA
02/12/2022

Eu não consigo fazer o meu cadastro tá falando qui eu já tenho cadastros mais eu ao tenho não

Responder
Usuário
Atendimento Provu
19/12/2022

Bom dia, Maisa. Tudo bem? Para entendermos melhor o seu caso, pedimos que entre em contato conosco através dos canais de atendimento: - Chat (disponível em nosso site https://emprestimo.provu.com.br/entrar) de segunda a domingo, das 9hr às 22hr; - Whatsapp Link https://provu.me/whatsapp - 5511931313332, de segunda a domingo, das 9hr às 22hr; - Telefone (11) 3003-7052, de segunda a domingo, das 9hr às 22hr; Estamos te esperando.

Usuário
JONATAS SOUZA LIMA
25/07/2022

Meu empréstimo

Responder
Usuário
Atendimento Provu
11/10/2022

Boa tarde, Jonatas. Como vai? Ficamos felizes em saber que você tem interesse em nossos serviços. Fazer uma proposta de empréstimo com a gente, independente do valor que você deseja, é bem fácil! Basta acessar o nosso site: https://emprestimo.provu.com.br/cadastro e preencher o seu cadastro, após o resultado da sua pré-análise, você vai ficar sabendo se temos uma linha de crédito disponível para você. É importante preencher as informações corretamente! Se você tiver alguma dúvida, pode nos chamar! Estamos à disposição.

Fazer um comentário:

Prove realizar organização financeira!

Insira seu e-mail para receber as melhores dicas para o seu bolso:

Associações

abcd-logo

Prêmios

premio-cliente-sapremio-ra-1000

Selos

selo-empresa-neutra-de-carbono

Parceiros de Cobrança

kitei-logomhFlores-logoserasa-logodnr-logo

A provu.com.br pertence à PROVU, CNPJ: 20.265.259/0001-71, com sede na Rua Pais Leme, 524 – Pinheiros, São Paulo – SP, Brasil – CEP: 05424-010.

A Provu não é uma instituição financeira, mas sim um prestador de serviços correspondente bancário nos termos do artigo 2º, da Resolução CMN nº 3.954, de 24 de fevereiro de 2011 atuando para as instituições financeiras: SOROCRED CRÉDITO FINANCIAMENTO E INVESTIMENTO S/A – CNPJ: 04.814.563/0001-74 e PROVU SOCIEDADE DE CRÉDITO DIRETO S.A – CNPJ Nº 42.627.615/0001-92.

Informações gerais sobre as operações de crédito ofertadas: a taxa de juros para empréstimo pessoal varia de 4,45% a.m. (68,62% a.a.) até 11% a.m. (249,85% a.a.), e o CET (Custo Efetivo Total) pode variar de 4,79% a.m. (76,78% a.a.) até 11,37% a.m. (270,87% a.a.), dependendo da análise de crédito do cliente e do prazo de pagamento, que pode ser de 9, 12, 18, 24 ou 36 meses.

Exemplo: valor: R$ 9.000,00; prazo: 18 meses; taxa de juros: 4,45% a.m.; 68,62% a.a.; CET 75,53% a.a.; parcelas: R$ 757,37; IOF: R$ 206,42; valor total: R$ 13.632,57. Estes valores são exemplificativos e poderão variar de acordo com a política de crédito.